(19) 3894-2490 [email protected]

Camilo Coutinho, especialista da Double Play Media, aborda tema na Convenção Anual da franquia home based Guia-se 

Aumentar as vendas do seu negócio online, utilizando-se de estratégias em vídeos no marketing digital. Esse foi o tema proposto pelo CEO da Double Play Media, Camilo Coutinho, na 6ª Convenção Anual da franquia home based Guia-se Negócios pela Internet. O encontro entre membros das franquias de sucesso, empreendedores e profissionais liberais ocorreu nos dias 4 e 5 outubro, em Indaiatuba/SP, durante o Onda Azul Guia-se 2018 .

Na ocasião, Coutinho falou aos membros da microfranquia e demais empreendedores sobre a importância de investir em conteúdo audiovisual para alavancar as vendas através das mídias sociais. Segundo o especialista, a produção de material em vídeo, com conteúdo ativo focado em venda, ainda é pouco explorado por empresas no Brasil. “Mas é muito consumido pelos clientes. E, porque? Porque com os vídeos temos a sensação que aprendemos mais e com maior rapidez”, comenta. “Por isso os vídeos com bom conteúdo são um ótimo funil de vendas.”

Um bom vídeo é um vendedor 24h

Coutinho comenta que muitos empresários colocam como barreira o valor para a produção dos vídeos. “Não é caro fazer vídeo, é um investimento que se pode começar gradativamente”, argumenta. “É só pensar: quanto custa para ter um vendedor na sua empresa? Os vídeos, na internet, são como vendedores perpétuos. Ainda mais, se é um bom vídeo, ele vende para você 24h por dia. Mas, vídeos mais ou menos, assim como vendedores mais ou menos, não vendem bem.”

Por este motivo, é preciso estratégia estratégias bem definidas, planejamento na produção e investimento. Antes de “comprar uma câmera” é preciso compreender qual é o objetivo de venda do vídeo, quem é a sua audiência e qual conteúdo é relevante para este público-alvo. “É trabalhoso, por isso é importante investir em estudos, aprender processos, analisar a concorrência e ter consistência na produção e postagem. Depois de publicado, mensurar a conversão, através do Analytics”, enfatiza. “No Instagram as melhores conversões acontecem no primeiro meio segundo do vídeo, nos quais a pessoa decide se vai assistir ou não. Provavelmente, se o seu vídeo não for atrativo nos primeiros de 6 a 10 segundos, o internauta perderá o interesse e irá sair.”

Palestra foi destinada aos membros da franquia home based Guia-se, além de empreendedores e profissionais liberais

Franquia home based: mas por onde começar?

“Pense grande e comece pequeno”. Foi assim que Coutinho orientou os membros da franquia home based Guia-se e demais empreendedores a iniciarem suas produções em vídeo, seja para clientes ou para seus próprios negócios. A dica, segundo o especialista, é começar a trabalhar conteúdos em plataformas que atualmente já tem certa conversão. Em primeiro lugar, tente um simples conteúdo no Instagram Stories, gravado pelo celular, já faz a diferença. Entretanto, antes de gravar, é necessário ter um roteiro. Isso é o básico dos vídeos: pense antes o que vai falar no começo, meio e fim.

A partir daí, você já pode apostar numa live na rede social de sua empresa. Neste caso, você necessitará de uma boa iluminação e, mais do que isso, que esteja preparado para todo tipo de questionamentos. Segundo Coutinho, as lives costumam gerar grande interação com quem acessa e relacionamento pode gerar boas vendas.

Vídeos: foque no conteúdo

E por fim, você pode gravar vídeos de seus produtos e serviços. Consequentemente, necessitará de uma estrutura melhor em câmera, roteiro e edição. Segundo Coutinho, é fundamental ainda produzir conteúdo relevante, que seja direto e prático. “Tente ajudar pessoas a resolver seus problemas. Vídeo não pode ser só comercial”, orienta. “Identifique e entenda o que as pessoas que compraram produtos e serviços semelhantes estão buscando e crie vídeo para atendê-los.”

Pense ainda em diferentes formatos (horizontal, vertical, diferentes redes sociais) e com que frequência ele será disponibilizado ao seu público. “Ao postar, pense nas palavras-chave que as pessoas digitarão para encontrá-lo. Entenda o fluxo do seu cliente e planeje com inteligência o título do conteúdo”, lembra. “Existe uma série de redes que você pode estar, mas você não precisa estar em todos. Precisa estar onde sua audiência está. Se lida com moda, publique  no Instagram. Se é de negócios, faça vídeo pro LinkedIn. Certamente, terá êxito.”

Finalmente, Coutinho lembra: “Resultados não são visualizações, resultados são os negócios que acontece por causa das visualizações!”

Quer saber mais sobre a Convenção e demais eventos da franquia home based Guia-se. Então  INSCREVA-SE agora mesmo!