Franquia de marketing digital: Design de sites foi tema de palestra na Convenção da Guia-se

Principal » Notícias sobre Franquias » Franquia de marketing digital: Design de sites foi tema de palestra na Convenção da Guia-se

Daniel Furtado fala sobre a importância de entender a necessidade do cliente para desenvolver um bom produto

A franquia de marketing digital Guia-se Negócios pela Internet recebeu no terceiro dia de sua Convenção Anual de 2017, a presença do parceiro Daniel Furtado. Ele ministrou a palestra sobre “UX (user experience) não é frescura” e abordou a questão de design de sites. Parceiros e franqueados da franquia virtual marcaram presença na 7ª da Convenção Anual de Franqueados Guia-se. O evento foi promovido de 4 a 6 de outubro, em Indaiatuba-SP, cidade onde fica localizada a sede da microfranquia.

Furtado abriu sua apresentação no evento da franquia de marketing digita falando sobre a importância de desenvolver um produto que coloque as necessidades do cliente final como foco principal. Para ele, um bom design não consiste em deixar tudo bonito na tela do computador do profissional. Mas sim fazer com que tudo fique perfeito no aparelho dos usuários.

Não basta fazer um site que agrade a si mesmo, é preciso estar de acordo com o que o cliente realmente precisa. “Temos que conhecer os usuários a fundo para levar em conta quais são suas limitações, para uma abordagem de design que prioriza a pessoa que usa seu produto ou serviço e não você mesmo”, enfatiza o parceiro da microfranquia. “Para entender o ponto de vista de outra pessoa é preciso usar a empatia. Sentir o que o usuário sente e enxergar o problema com outro ponto de vista. Mude a sua perspectiva.”

Franquia de marketing digital: um produto que seja funcional

O parceiro da franquia de marketing digital Guia-se salienta que a ideia é desenvolver algo que seja funcional, onde o consumidor tenha facilidade para comprar. “O design deve ser centrado no usuário. O site não é feito para o dono do negócio gostar, mas sim para o cliente dele. Ao desenvolver, devemos pensar no que vai fazer o cliente comprar”, diz. “Lembre-se que o foco não é projetar a experiência das pessoas, mas sim PARA a experiência das pessoas, para dar suporte às experiências. Afinal, as experiências são íntimas. Cada um reage de um jeito.”

Ainda durante apresentação aos franqueados Guia-se, Furtado deu dicas para desenvolver um produto que traga resultados positivos na hora de vender. Segundo ele, é importante entender que o ambiente de venda na internet é diferente de uma loja física. Nem tudo na loja virtual se compra por impulso. “É como um Gatorade. Quando você está numa farmácia e vê ele na prateleira, você pode comprá-lo pelo impulso da sede”, exemplifica. “Em uma loja  virtual de uma farmácia, dificilmente este mesmo impulso o fará comprar um Gatorade.”

Para projetar um bom produto ou serviço, é preciso ainda criar sites de fácil navegação, que não atrapalhem a experiência do usuário. “Deixe os controles como “baixar” e “comprar”, claros. Remova os obstáculos para as ações, como ter que preencher 10 campos para poder baixar um e-book. A pessoa desiste”, explica. “Por outro lado, alguns obstáculos são positivos, como pedir o CPF para finalizar uma compra. Isso dá a confiabilidade que a loja virtual é séria.”

Outras ações que dão confiabilidade a uma página são mostrar o feedback de outros usuários. “Dar segurança é fundamental. A pessoa quer saber que mesmo já no final do processo, lá no carrinho, ela pode desistir. deixar um aviso claro sobre essa possibilidade da desistência faz o internauta comprar mais tranquilo”, exemplifica. “Entregue ainda surpresas boas. De vez em quando dê mimos, como um cupom de desconto. Mas não faça isso sempre.”

Franquia de marketing digital: Design de sites foi tema de palestra na Convenção da Guia-se
Avalie esse post

Deixar Um Comentário

Franquia de marketing digital: Design de sites foi tema de palestra na Convenção da Guia-se
Avalie esse post